Áreas de Conhecimento de Gerenciamento de Projetos

image_pdfimage_print

O guia de melhores práticas em gerenciamento de projetos, PMBOK, é organizado em áreas de conhecimento e, por sua vez, cada área de conhecimento é descrita através de processos.

Áreas do Conhecimento

Áreas do Conhecimento

As nove áreas de conhecimento caracterizam os principais aspectos envolvidos em um projeto e no seu gerenciamento: Integração, Escopo, Tempo, Custos, Qualidade, Recursos humanos, Comunicações, Riscos e Aquisições.

Cada área de conhecimento se refere a um aspecto a ser considerado dentro da gerência de projetos. A sua não execução poderá afetar negativamente o projeto, pois projeto é um esforço integrado.

A figura abaixo ilustra a quantidade de processos existentes e relacionados entre os Grupos de Processos e as Áreas de conhecimento.

Quantidade de processos por área de conhecimento

Quantidade de processos por área de conhecimento

As áreas de conhecimento Escopo, Tempo, Custo e Qualidade são os principais determinantes para o objetivo de um projeto: entregar um resultado de acordo com o escopo, no prazo e no custo definidos, com qualidade adequada. Estas áreas de conhecimento respondem as questões: O QUE, QUANDO, QUANTO e COMO.

As áreas de conhecimento Recursos Humanos e Aquisições são os insumos para produzir o trabalho do projeto.

As áreas de conhecimento Comunicações e Riscos devem ser continuamente abordadas para manter as expectativas e as incertezas sob controle, assim como o projeto no rumo certo.

A área de conhecimento Integração abrange a orquestração de todos esses aspectos.

Determinantes dos objetivos do Projeto

Determinantes dos objetivos do Projeto

Área de Gerenciamento da Integração do Projeto

Define os processos e as atividades que integram os diversos elementos necessários ao gerenciamento de um projeto. Isso inclui:

  • Desenvolvimento do termo de abertura do projeto;
  • Desenvolvimento do plano de gerenciamento do projeto;
  • Orientar e gerenciar a execução do projeto;
  • Monitorar e controlar o trabalho desenvolvido pelo projeto;
  • Realizar o controle integrado de mudanças;

Encerrar o projeto ou uma fase do projeto.

Área de Gerenciamento do Escopo do Projeto

Define os processos e atividades para que se garanta que o projeto inclua todo o trabalho necessário (e apenas o trabalho necessário) para que o projeto seja concluído com sucesso. Isso inclui:

  • Coletar requisitos;
  • Definir o escopo;
  • Criar a estrutura analítica do projeto (EAP);
  • Verificar o escopo;

Controlar o escopo.

Área de Gerenciamento do Tempo do Projeto

Descreve os processos e atividades para que o projeto seja concluído no prazo correto. Isso inclui:

  • Definir atividades;
  • Sequenciar a execução das atividades;
  • Estimar recursos necessários para execução das atividades;
  • Desenvolver o cronograma;

Controlar o cronograma.

Área de Gerenciamento de Custos do Projeto

Descreve os processos e atividades de planejamento, estimativa de custos,  determinação do orçamento e controle de custos do projeto. Isso inclui:

  • Estimar custos;
  • Orçar custos;

Controlar custos.

Área de Gerenciamento da Qualidade do Projeto

Descreve os processos e atividades referentes ao planejamento, monitoramento, controle e garantia da qualidade do projeto. Isso inclui:

  • Planejar a qualidade;
  • Realizar a garantia da qualidade;

Realizar o controle da qualidade.

 

Área de Gerenciamento de Recursos Humanos do Projeto

Descreve os processos e atividades relacionados com o planejamento, contratação, mobilização, desenvolvimento e gerenciamento da equipe do projeto. Isso inclui:

  • Desenvolver o plano de recursos humanos;
  • Contratar ou mobilizar a equipe do projeto;
  • Desenvolver a equipe do projeto;

Gerenciar a equipe do projeto.

Área de Gerenciamento de Comunicações do Projeto

Descreve os processos e atividades relacionados com a geração, coleta, distribuição, armazenamento e destinação final das informações do projeto de forma oportuna e apropriada. Isso inclui:

  • Identificar as partes interessadas;
  • Planejar as comunicações;
  • Distribuir informações;
  • Gerenciar expectativas das partes interessadas;

Relatar desempenho.

Área de Gerenciamento de Riscos do Projeto

Descreve os processos e atividades relacionados com a identificação, análise e controle dos riscos do projeto. Isso inclui:

  • Planejar o gerenciamento de riscos do projeto;
  • Identificar riscos;
  • Realizar análise qualitativa dos riscos do projeto;
  • Realizar análise quantitativa dos riscos;
  • Planejar respostas aos riscos;

Monitorar e controlar riscos do projeto.

Área de Gerenciamento de Aquisições do Projeto

Descreve os processos e atividades relacionados com compra ou aquisições de produtos, serviços ou resultados para o projeto. Isso inclui:

  • Planejar aquisições;
  • Conduzir aquisições;
  • Administrar aquisições;

Encerrar aquisições.

Processos de Gerenciamento de um Projeto

O diagrama, representado na figura abaixo, relaciona de forma gráfica e sintética todos os 42 processos de gerenciamento de um projeto descritos na quarta edição do PMBOK, indicando também os cinco grupos em que os processos se distribuem e as respectivas áreas de conhecimento associadas a cada um.

Visão Geral dos Processos de Gerenciamento de Projetos

Visão Geral dos Processos de Gerenciamento de Projetos

Pela figura, pode-se perceber algumas características lógicas dos processos de gerenciamento de um projeto:

  • Praticamente todas as áreas de conhecimento são abordadas nas atividades de Planejamento (definir, estimar e planejar cada aspecto) e de Monitoramento e Controle (controlar) — no PMBOK 4ª edição, o processo de Gerenciar a equipe passou ao grupo de Execução, deixando apenas a área de RH sem processos no grupo de Controle;
  • Quanto à Execução, os aspectos envolvidos mais ativamente são a equipe (RH) e as aquisições, as comunicações e a garantia da qualidade;
  • A Integração se faz presente em todos os momentos do projeto.
  • Na figura, os grupos de processos representam os tipos de atividades, as áreas de conhecimento caracterizam os assuntos, e seu cruzamento induz, de forma bastante intuitiva, os respectivos verbos (definir, planejar, estimar, gerenciar, monitorar, controlar, encerrar, etc) e substantivos que descrevem os processos de gerenciamento relacionados.

Isso mostra que os conceitos e melhores práticas que o PMBOK reuniu, organizou e formalizou, estão naturalmente presentes na essência do gerenciamento de qualquer bom projeto.

Autor: Prof. Victor Antonio Triotiño

Sou bacharel em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (Alagoas), especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela Univ. Gama Filho (UGF) e pós-graduando em Gestão da Segurança da Informação pela Univ. do Sul de Santa Catarina (UNISUL). Tenho interesse por todas as áreas da informática, mas em especial em Gestão, Segurança da Informação, Ethical Hacking e Perícia Forense. Sempre disposto a receber sugestões de assuntos para criar uma postagem.

2 Responses to “Áreas de Conhecimento de Gerenciamento de Projetos”

  1. Claudiomar Rodrigues de Souza disse:

    Excelente material, me ajudou muito com meus alunos na disciplina de gestão de projetos…Muito Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer ficar atualizado?

Inscreva-se em minha newsletter e seja notificado quando eu publicar novos artigos de graça!