Microsoft sofreu mesmo tipo de ataque hacker que Facebook e Apple, diz empresa

image_pdfimage_print

A Microsoft admitiu nesta sexta-feira (22) que sofreu um ataque hacker similar ao que atingiu o Facebook e Apple, divulgados pelas empresas na última semana.

Em um post no blog de Centro de Respostas de Segurança da companhia, Matt Thomlinson, gerente geral de Segurança de Computação Confiável da Microsoft, disse que, após perceber o ataque, a empresa optou por não fazer uma declaração pública sobre o ocorrido até colher inicialmente mais informações.

“Durante nossa investigação, encontramos um pequeno número de computadores, incluindo alguns Macs de nossa unidade de negócios, que estavam infectados pelo software malicioso que usava técnicas similares às documentadas pelas outras companhias [Facebook e Apple]”, escreve Thomlinson.

Segundo ele, não há evidências de que dados de clientes foram afetados pelo ataque; a investigação, no entanto, ainda está em andamento.

“Nós estamos continuamente reavaliando nossa postura de segurança e empregando mais pessoas, processos e tecnologias necessários para ajudar a prevenir o acesso não-autorizado em nossas redes”, conclui o texto.

Ataques “sofisticados”

Na última sexta-feira (15), o Facebook afirmou que hackers realizaram um ataque sofisticado a computadores de funcionários. A rede social afirmou que dados de usuários do serviço não foram comprometidos pela investida. O FBI, a polícia federal americana, está colaborando com os engenheiros do Facebook na investigação do “sofisticado ataque”.

O Facebook relatou que o “ataque aconteceu quando funcionários acessaram um website para desenvolvedores”. Ao entrar na página, um vírus foi instalado automaticamente nos computadores, sem o usuário notar.

Antes do Facebook, várias publicações jornalísticas americanas foram alvos de ataques: “The New York Times”, “The Washington Post” e “The Wall Street Journal” detectaram tentativas de ataques, supostamente realizadas por chineses.

Na última terça-feira (19), a Apple admitiu ter sido vítima  dos mesmos hackers que atacaram computadores de engenheiros do Facebook. De acordo com a empresa, os cibercriminosos não roubaram dados da companhia ou de funcionários.

Apenas um pequeno número de funcionários que usam computadores Mac OS (sistema operacional da companhia) foram atingidos e “não há evidências de que houve roubo de dados da empresa”.

Microsoft sofreu mesmo tipo de ataque hacker que Facebook e Apple, diz empresa – Notícias – UOL Notícias.

Sou bacharel em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (Alagoas), especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela Univ. Gama Filho (UGF) e pós-graduando em Gestão da Segurança da Informação pela Univ. do Sul de Santa Catarina (UNISUL). Tenho interesse por todas as áreas da informática, mas em especial em Gestão, Segurança da Informação, Ethical Hacking e Perícia Forense. Sempre disposto a receber sugestões de assuntos para criar uma postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer ficar atualizado?

Inscreva-se em minha newsletter e seja notificado quando eu publicar novos artigos de graça!