Os grandes desafios vividos pelos candidatos

Luiza Ricotta

Muitos são os desafios vivenciados pelos candidatos à carreira pública. A atuação não estávoltada unicamente à excelência técnica (o aprimoramento necessário para obter resultadosefetivos em prova). O que todos desejam é atingir o maior índice de acertos echegar a uma posição favorável e vantajosa para sua classificação. Esseaprimoramento, que é constante, conta com diversos fatores para que essaposição seja atingida.

Na verdade há toda uma conjunção de fatores que contribuem para osucesso do candidato de forma global – são os seus desafios, estes que estão juntamente dando reforço ao resultado final.

Outros aspectos envolvidos – Avalie que antes de se posicionar favorável à escolha por esta modalidade de carreira, você certamente pensou em outros aspectos que circundam o seu ingresso. Desejou estabilidade, garantias de uma vida organizada, onde seu trabalho é remunerado pelo seu esforço de forma constante, diferentemente de um autônomo – que precisa buscar trabalho invariavelmente e dar conta da sua execução, sem considerar o aspecto qualidade – critério que o mantém nesta posição. Se é resoluto, acaba por conquistar a credibilidade pelo trabalho feito e assim consequentemente se mantém pela eficiência e resultados apresentados.

O mérito – Para aqueles que buscam a carreira pública este é um forte ingrediente. Utilizando-se de seus próprios esforços e independendo de oportunidades oferecidas por terceiros, galgando uma posição que se manterá definida, sem a pressão de ficar provando que é bom. Sua posição advinda do seu ingresso não será alvo de discussão.

Quando se pensa na carreira a atingir, muitos aspectos estão sendo resolvidos na vida deste candidato, passando pelas motivações pessoais, necessidades sociais e emocionais. Tanto que muitos projetos de vida são adiados em razão do alcance da posição.

Os desafios são:

-Desafio intelectual: acervo de conteúdos e patrimônio intelectual que vai sendo formatado e que lhe possibilita pensar e direcionar o seu pensamento, sem isso não poderia “pensar as questões das provas”.

-Desafio da colocação profissional: a colocação no mercado de trabalho. E com isso a segurança e perspectiva de uma vida, podendo então realizar os demais projetos decorrentes da estabilidade profissional.

-Desafio da posição social: a conquista de uma posição na sociedade, que vai além do cargo e da função que o candidato irá ocupar na carreira pública. O ganho de um novo status, resultado da mobilidade social que seu desafio lhe propiciou, proporciona uma dimensão de sucesso e realização.

-Desafio cultural: significativo na medida em que o conhecimento lhe transforma e lhe propicia a liberdade do pensar e com isso formar uma mente cuja massa crítica é o resultado de ter se tornado um Ser pensante, que escolhe, decide e resolve questões de ordem prática e subjetiva, atingindo um melhor nível de consciência.

-Desafio pessoal: nenhum candidato passa pelo processo de aprovação destituído das transformações da sua pessoa. Requisitará o treino das suas mais variadas capacidades e desenvolverá o seu potencial para as mais diversas situações e conflitos.

Dica – Perceba quantos atributos estão em jogo quando se trata de buscar a sua aprovação, dando a dimensão do ganho global. Diferentemente do que muitos pensam, sua conquista aposta na qualidade de Ser uma pessoa melhor, indo muito além do seu desempenho intelectual.

Luiza de Azevedo Ricotta é psicóloga, professora em cursos de pós-graduação e cursos preparatórios para concursos. Trabalha com Desenvolvimento Pessoal e Profissional. Mestre pela U.P. Mackenzie/SP. Pós-graduada em Terapia Familiar PUC/SP e em Psicodrama como didata FEBRAP. Conteudista e articulista. Twitter: @luizaricotta.

Fonte: JC de Concursos

Sou bacharel em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (Alagoas), especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela Univ. Gama Filho (UGF) e pós-graduando em Gestão da Segurança da Informação pela Univ. do Sul de Santa Catarina (UNISUL).
Certificações que possuo: CompTIA Security+, EXIN EHF, MCSO, MCRM, ITIL v3.
Tenho interesse por todas as áreas da informática, mas em especial em Gestão e Governança de TI, Segurança da Informação, Ethical Hacking e Perícia Forense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer ficar atualizado?

Inscreva-se em minha newsletter e seja notificado quando eu publicar novos artigos de graça!