Não deixe que os seus olhos sofram diante do computador

image_pdfimage_print

Se você passa muitas horas diante da tela de um computador, deve estar familiarizado com a sensação de cansaço, ardor e vermelhidão nos olhos depois de um longo dia. Essa condição, conhecida como Síndrome da Visão de Computador, chega a afetar de 60 a 90% das pessoas que trabalham com esses equipamentos, além de também causar outros problemas, como dores de cabeça, visão embaçada, dores musculares etc.

Entretanto, além do tempo passado diante do computador, existem outros fatores que podem ajudar a piorar o quadro, como a má postura, incidência de luz direta sobre a tela, o ângulo no qual o monitor está posicionado e, até mesmo o fato de “usarmos” os nossos óculos dentro da gaveta em vez de diante dos olhos.

De acordo com o pessoal do site Greatist, embora seja pouco provável que a síndrome cause danos permanentes aos olhos, existem algumas coisinhas que podemos fazer para aliviar um pouco os sintomas. Confira:

Posicione o monitor adequadamente

A tela deve ficar diante do seu rosto e a um braço de distância do seu nariz. Além disso, posicione o monitor de modo que ele fique reto — e nunca torto ou de lado — e que o meio da tela fique entre 10 e 20 centímetros abaixo da altura dos seus olhos. Isso fará com que o seu pescoço e ombros fiquem mais relaxados enquanto você estiver digitando.

Cuidado com os reflexos

Assegure-se de ter cortinas ou persianas que impeçam a incidência direta de luz sobre a tela ou sobre os seus olhos. Além disso, verifique se o contraste e o brilho estão ajustados corretamente e, se necessário, instale um filtro antirreflexos no seu monitor.

Confira a iluminação do ambiente

Para comprovar se a iluminação no local no qual você costuma utilizar o computador é adequada, posicione as mãos sobre os olhos como se fossem a aba de um boné. Se você sentir os seus olhos mais confortáveis, então é provável que a iluminação precise ser ajustada. Assim, tente experimentar luzes mais e menos intensas e com ângulos diferentes, para ver se os seus olhos reclamam menos.

Não se esqueça de piscar

Abrir e fechar os olhos constantemente ajuda na sua lubrificação e, se isso não funcionar, consulte um especialista e peça para que ele receite a você um bom colírio. E, se você vive ou trabalha em ambientes muito secos, experimente usar um humidificador de ambientes.

Limpe o monitor com frequência

O excesso de poeira pode influenciar na nitidez da tela, fazendo com que tenhamos que forçar mais os nossos olhos para ler ou realizar tarefas diante do computador.

Faça pausas periódicas

Levante-se, alongue a musculatura ou simplesmente olhe para outra direção a cada 15 minutos, para dar um tempo para que os seus olhos possam relaxar um pouco.

Consulte um oftalmologista

O fato de você sentir dores de cabeça, os olhos irritados ou enxergar tudo embaralhado no fim do dia também pode ser um sinal de que você precisa de lentes corretivas — ou dar uma renovada nos óculos que você já usa. Portanto, consulte um especialista com frequência para que ele possa checar como anda a saúde dos seus olhos.

Fonte: Greatist – Via TecMundo

Sou bacharel em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (Alagoas), especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela Univ. Gama Filho (UGF) e pós-graduando em Gestão da Segurança da Informação pela Univ. do Sul de Santa Catarina (UNISUL). Tenho interesse por todas as áreas da informática, mas em especial em Gestão, Segurança da Informação, Ethical Hacking e Perícia Forense. Sempre disposto a receber sugestões de assuntos para criar uma postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer ficar atualizado?

Inscreva-se em minha newsletter e seja notificado quando eu publicar novos artigos de graça!