Estados Unidos e China se unem para prevenir ciberataques

image_pdfimage_print

Nos últimos tempos, os Estados Unidos e a China têm trocado acusações em relação a ataques hackers, que tinham como alvo sistemas importantes dos dois países. A situação chegou a um ponto tão delicado que ela já está sendo chamada de “Guerra Fria Virtual” — em alusão ao conflito ideológico que aconteceu entre a URSS e USA.

Contudo, esse novo tipo de conflito parece já ter um fim. Segundo informações divulgadas por fontes internacionais, nesta terça-feira (12), os Estados Unidos e a China entraram em um acordo para reduzir a quantidade de ciberataques e impedir que uma guerra virtual de fato aconteça entre as suas nações.

Botando as diferenças de lado

Isso aconteceu depois que o coordenador de segurança nacional da Casa Branca, Tom Donilon, afirmou que a China deveria começar a trabalhar seriamente para reduzir os ataques hackers. Em resposta, um porta-voz do ministério de relações internacionais chinês disse que o seu país está pronto para colaborar com a segurança internacional da internet.

Dessa maneira, os dois países vão trabalhar juntos por um tempo, de modo que esse objetivo seja alcançado — no entanto, não há previsões de quanto tempo essa parceria vá durar. Além disso, as duas partes envolvidas concordam no fato de que esse é um momento para que relações duradouras possam ser construídas.

Estados Unidos e China se unem para prevenir ciberataques.

Sou bacharel em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (Alagoas), especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela Univ. Gama Filho (UGF) e pós-graduando em Gestão da Segurança da Informação pela Univ. do Sul de Santa Catarina (UNISUL). Tenho interesse por todas as áreas da informática, mas em especial em Gestão, Segurança da Informação, Ethical Hacking e Perícia Forense. Sempre disposto a receber sugestões de assuntos para criar uma postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer ficar atualizado?

Inscreva-se em minha newsletter e seja notificado quando eu publicar novos artigos de graça!