Dez projetos open source para prestar atenção em 2013

image_pdfimage_print

O sucesso do Linux e do Apache é bastante conhecido, mas outras tecnologias de código aberto estão em ascensão e devem ganhar mais espaço no mercado.

É bem verdade que poucos projetos de código aberto têm orçamentos de marketing suficiente para realizar eventos de lançamento como o que a Microsoft fez para o Office 2013, mas isso não significa que seus produtos sejam menos valiosos.

A Canonical chegou perto em termos de hype com o anúncio de que está desenvolvendo uma versão do Ubuntu para smartphones apenas dois dias depois do Ano Novo. A empresa pretende licenciar o sistema operacional para fabricantes de smartphones e operadoras de telefonia, apostando em ter no sistema uma alternativa ao Android.

Outros pesos pesados do open source também prometem brilhar no futuro. Há dez projetos, candidatos ao estrelato, para acompanhar de perto em 2013:

1. Ansible, um sistema de gerenciamento de configuração capaz de disparar comandos e atualizar a configuração de servidores.

2. Chaplin.js, uma arquitetura para aplicações JavaScript que usa a biblioteca Backbone.js. “Ele fornece uma estrutura leve e flexível que apresenta padrões comprovados de design e as melhores práticas”, explica a Black Duck, empresa que presta serviços de due diligence.

3. GPUImage, uma biblioteca para o iOS que permite aos usuários aplicar filtros e outros efeitos a imagens.

4. Hammer.js, uma biblioteca JavaScript que permite gestos multitouch para a Web móvel.

5. InaSAFE, que produz cenários realistas do impacto de riscos naturais para permitir um melhor planejamento.

6. Yahoo! Mojitoum Framework MVC para Javascript, para aplicações móveis e Web, em execução no cliente e no servidor.

7. Sidekiq, que fornece processamento de mensagens simples e eficiente para Ruby.

8. Syte, um site pessoal com integrações de aplicativos sociais, incluindo Twitter e GitHub.

9. Twitter Bower, um gerenciador de pacotes para a Web, para ajudar usuários a instalar facilmente pacotes de CSS, JavaScript e imagens e gerenciar as dependências entre esses pacotes.

10. TypeScript, linguagem aberta e interoperável para desenvolvimento em escala de aplicativos JavaScript. O TypeScript leva o JavaScriptpara mais próximo dos desenvolvedores familiarizados com o conceito de orientação a objetos como programadores das linguagens C#, C++ e Java entre outras.

Dez projetos open source para prestar atenção em 2013 – Tecnologia – CIO.

Sou bacharel em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (Alagoas), especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela Univ. Gama Filho (UGF) e pós-graduando em Gestão da Segurança da Informação pela Univ. do Sul de Santa Catarina (UNISUL). Tenho interesse por todas as áreas da informática, mas em especial em Gestão, Segurança da Informação, Ethical Hacking e Perícia Forense. Sempre disposto a receber sugestões de assuntos para criar uma postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer ficar atualizado?

Inscreva-se em minha newsletter e seja notificado quando eu publicar novos artigos de graça!