China acusa EUA de ataques virtuais a sites do governo

image_pdfimage_print

Geng Yansheng, porta-voz do Ministério da Defesa chinês, acusou os Estados Unidos de terem causado pelo menos dois terços dos ataques registrados a sites governamentais em janeiro. De acordo com números do órgão, 144 mil falhas de segurança foram detectadas no primeiro mês de 2013, números altos que vêm se repetindo desde que as páginas entraram no ar.

De acordo com os números do governo, todos os ataques registrados tiveram origem fora do país, com 62,9% desse total partindo de IPs americanos. Yansheng também afirmou que não quer que os Estados Unidos vejam a divulgação dos dados como um ataque, e sim como um pedido de explicação, já que Pequim espera que o país venha a público para clarificações.

Na semana passada, um relatório de segurança da consultoria Mandiant rastreou uma série de ataques a veículos de comunicação americanos e descobriu uma grande quantidade de IPs chineses envolvidos na questão.

China acusa EUA de ataques virtuais a sites do governo.

Sou bacharel em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (Alagoas), especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela Univ. Gama Filho (UGF) e pós-graduando em Gestão da Segurança da Informação pela Univ. do Sul de Santa Catarina (UNISUL). Tenho interesse por todas as áreas da informática, mas em especial em Gestão, Segurança da Informação, Ethical Hacking e Perícia Forense. Sempre disposto a receber sugestões de assuntos para criar uma postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer ficar atualizado?

Inscreva-se em minha newsletter e seja notificado quando eu publicar novos artigos de graça!