Benefícios da Virtualização as para empresas

image_pdfimage_print

Os investimentos no processo de Virtualização na área de Tecnologia da Informação (TI) aumentaram cerca de 80% nos últimos três anos, segundo informações da Associação Brasileira de E-business (E-business Brasil). Em pesquisa realizada em março deste ano, com mais de 500 diretores e executivos do setor, a organização constatou que 59% dos entrevistados já utilizam a virtualização em suas diversas formas, principalmente com o objetivo de reduzir custos.

Apesar dos números positivos e do buzz em torno da computação em nuvem (cloud computer, em inglês), é considerável o número de organizações que ainda desconhecem o conceito. De acordo com a pesquisa, uma em cada três empresas ainda não conhece amplamente esse modelo computacional e não consegue detectar os ganhos significativos para os negócios. O conceito de computação em nuvem refere-se a compartilhar e interligar a memória e as capacidades de armazenamento e cálculo de computadores e servidores por meio da Internet, daí a alusão às nuvens. O armazenamento de dados é feito em serviços que poderão ser acessados de qualquer lugar do mundo, a qualquer hora, não havendo necessidade de instalação de programas ou de armazenamento de dados em máquinas específicas.

O que muitos também ignoram é que a virtualização vai além do armazenamento em nuvens. Empresas de TI já utilizam a modalidade de trabalho na manutenção e até na instalação de serviços e sistemas. Até mesmo sistemas de ERP, conhecidos pela demora e dificuldade na instalação e manutenção, já contam com versões em que todas as etapas acontecem virtualmente, através da web, desde a apresentação do software até a instalação e manutenção. O servidor do cliente está conectado à internet, o que permite acesso ao sistema remotamente e gera economia e rapidez nos processos. Além de cortar o tempo gasto com deslocamento da equipe, são eliminados os custos com diárias de profissionais, hotéis e passagens. O tempo de treinamento e de implantação pode ser 20% menor que o da implantação presencial, convencional e o valor da hora de treinamento/implantação também pode cair.

Depois da instalação, também já existe a possibilidade de as informações do sistema ficarem disponíveis na nuvem e serem acessadas com facilidade de qualquer lugar do mundo com acesso à internet, até mesmo de tablets e smartphones. O processo também traz vantagens para as empresas de TI, que, com a diminuição do tempo gasto com cada cliente, conseguem atender a um maior número de empresas ao mesmo tempo. A virtualização e o atendimento remoto estão ganhando cada vez mais espaço e suas vantagens econômicas só levam a crer que este avanço não vai parar.

Felipe Horta, CEO da Platão Sistemas

Fonte: Analista TI

Sou bacharel em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (Alagoas), especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela Univ. Gama Filho (UGF) e pós-graduando em Gestão da Segurança da Informação pela Univ. do Sul de Santa Catarina (UNISUL). Tenho interesse por todas as áreas da informática, mas em especial em Gestão, Segurança da Informação, Ethical Hacking e Perícia Forense. Sempre disposto a receber sugestões de assuntos para criar uma postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer ficar atualizado?

Inscreva-se em minha newsletter e seja notificado quando eu publicar novos artigos de graça!